Translate

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Tarantinismo

Tenho que confessar que adoro assistir CSI. Vício de todos os dias. E esta semana fui contemplada com o melhor episódio da série, escrito por Tarantino: "Perigo a sete palmos". Quem tiver a oportunidade de assistir, o faça.

Entretanto, enquanto passava pela sala, ouvi o comentário de um jornalista: "Nem mesmo o episódio de Tarantino foi tão horrível como o Caso Bruno".

Não conhecia, até então, muitos detalhes sobre o caso. Mas com base nessa declaração, e em algumas manchetes do Google News, me informei sobre o que estava acontecendo.

A menos que a imprensa esteja expeculando demais, devo admitir que a história é realmente merecedora do comentário do jornalista.

Um detalhe que chamou minha atenção foi o salário do jogador: 200 mil reais por mês. Se formos parar para pensar, quantos trabalhadores passam anos para juntar metade deste valor, e sustentar suas famílias?

Esses mesmos trabalhadores devem olhar horrorizados para essa história, repetida sucessivas vezes pela mídia sensacionalista, e devem pensar o quanto a vida é injusta. Talvez alguns se solidarizem com o jogador, lamentando que o talentoso rapaz tenha estragado a carreira...

Mas apesar desta contante descarga de informações - sejam elas, verídicas ou não - incomodar muitas pessoas, a maior parte da população se sensibiliza e clama por justiça. Menos mal.

Não suporto mais ver este tarantinismo invadindo a realidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget